iphone_xr

Investidores desconfiam de nova estratégia da Apple

Os investidores hesitaram com as projeções de receita da Apple, que ficaram aquém das estimativas de Wall Street, e as ações da empresa caíram 6,6% na sexta-feira (2). A companhia perdeu US$ 86,4 milhões (R$ 320 milhões) em valor de mercado em um dia.
“O compromisso de privacidade da Apple agora se estende à divulgação de vendas do iPhone”, escreveu Amit Daryanani, da RBC Capital Markets, aos investidores, depois que a companhia anunciou que não divulgará mais os números de comercialização do aparelho. 
“Quando a empresa ia muito bem, as vendas da unidade contavam uma história maravilhosa. Agora que a história não é tão boa, eles dizem: ‘Vamos mudar isso’”, afirmou Mike Levin, da empresa de pesquisa Consumer Intelligence Research Partners.
Steve Jobs concordaria. “Se você vende muita coisa, quer contar a todos”, disse o cofundador da Apple há nove anos ao The New York Times, ao criticar o Kindle da Amazon.
Apesar de as vendas não terem crescido, a Apple se encaminha para seu melhor ano em termos de receita.
A empresa não é a primeira a mudar sua estratégia de divulgação. Em abril, a General Motors abandonou uma prática de décadas de reportar vendas mensais e se uniu à Tesla ao divulgar números trimestrais. Na última década, o Walmart e a Target fizeram o mesmo.

https://www1.folha.uol.com.br/tec/2018/11/investidores-desconfiam-de-nova-estrategia-da-apple.shtml

Comentários estão desabilitados para essa publicação