carro_voador_notaalta

Carro voador flutuou por cerca de um minuto no Japão

É como no filme ”De Volta para o Futuro”, mas real: o protótipo de um carro voador flutuou cerca de três metros no ar por por mais ou menos um minuto no Japão.
Projetado para voos autônomos de entrega, o protótipo inicial parece mais um drone de grande porte do que um carro típico. Produzido pela NEC, uma empresa mundial de tecnologia sediada em Tóquio, o aparelho acionado a bateria tem quatro hélices e foi desenhado para entregas autônomas.
De acordo com reportagens, ele flutuou a três metros do chão, sem passageiro e dentro de uma gaiola nas instalações da NEC em Abiko, um subúrbio de Tóquio.
“Todos nós na NEC acreditamos que uma revolução nos deslocamentos, centrada nos carros voadores, irá ocorrer”, disse Norihiko Ishiguro, vice-presidente da NEC. ”Quando chegar a hora, queremos oferecer tecnologia e serviços como uma base de gestão.”
A tecnologia ainda apresenta alguns problemas a resolver, como a duração da bateria, segurança e regulamentação. Mas a tecnologia EVtol —de decolagem e aterrissagem vertical— foi concebida para ser mais barata, mais silenciosa e mais acessível que os helicópteros, e poderia ser usada como forma de evitar o tráfego em cidades altamente congestionadas, transportar cargas ou simplesmente oferecer passeios recreativos.
“Você pode pensar em ‘De Volta para o Futuro’”, disse Fumiaki Ebihara, funcionário do Ministério da Economia, Indústria e Comércio japonês que comanda o desenvolvimento do país, à rede de TV americana CBS, em 2018. “Até o momento, era só um sonho, mas com inovações nos motores e baterias, é hora de tornar a ideia realidade.”
O governo japonês já construiu uma pista de testes para carros voadores em Fukushima, um local atingido por um terremoto, tsunami e acidente nuclear em 2011. Ela é parte do plano de infraestrutura do país para usar tecnologia a fim de entregar produtos, a partir de 2023, e para transporte pessoal diário a partir de 2030, disse Ishiguro.
Esse é o mais recente desdobramento na corrida mundial para criar veículos voadores autônomos, que envolve a Uber, Airbus, Volocopter e Boeing.

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2019/08/carro-voador-flutuou-por-cerca-de-um-minuto-no-japao.shtml?loggedpaywall

Comentários estão desabilitados para essa publicação