estaca_enade_espm_sp

Sintonize a Estação Enade

O blog Nota Alta lança a Estação Enade. A proposta é simples: apresentar, em vídeos, professores e coordenadores de curso para tirar dúvidas dos alunos sobre o ENADE, o Exame Nacional de desempenho dos Estudantes.

Essas perguntas não são apenas as mais comuns: o que é o Enade? Todos estão obrigados a fazer o Enade? Por que tem turma que faz e outra que não faz? Essas dúvidas, mais operacionais, são as mais fáceis. A coisa complica, mas também fica mais interessante, quando as perguntas perdem este tom e ficam mais relevantes para o futuro do aluno: para quê serve o Enade?

Nesta resposta não há distinção de curso, entre Publicidade, ADM, RI, Design ou Jornalismo. A função do Enade é fazer a transição entre apenas aprender o conteúdo das matérias e o que você faz com o que aprendeu. Ou seja, o Enade não pede que você apenas “devolva” o que aprendeu, mas ”use” o que aprendeu para solucionar problemas. Às vezes problemas bem práticos.

Esta mudança não é fácil. E envolve a todos, professor, aluno e o próprio “sentido“ da escola. É por esta razão que os vídeos da Estação Enade foram feitos, basicamente, pelos professores. Com este sentido: “ensinar” a resolver problemas com o que você aprendeu em sala de aula.

Com um detalhe: muitos processos de seleção de empresas, especialmente as maiores, usam o mesmo formato de teste do Enade. A conversa, agora, ficou mais séria, envolve conquista de emprego. Pois é…

O Enade , portanto é um exame diferente. O jeito de fazer as perguntas e até de entender as respostas é outro. Aqui começa a segunda tarefa da estação Enade: ajudar o aluno da ESPM a entender este jeito “diferente” de ser avaliado.

Mas, falta um dado nesta história de Enade: o comprometimento do aluno com essa mudança toda. Compromisso é coisa séria e também se aprende na escola. Como é que isso? Como a Estação Enade vai tratar de “compromisso do aluno’. Bom essa parte fica para quem sintonizar a Estação Enade. Acesse o blog notaalta.espm.br e veja como se tratou dessa parte do “compromisso” do aluno. Essa parte é por sua conta…

Comentários estão desabilitados para essa publicação