pedro-de-santi1

Sociologia das Organizações – Lançamento do livro e debate

Pedro de Santi

Serviço: Lançamento do livro “Sociologia das organizações. Conceitos, relatos e casos” (CENGAGE, 2018). Debate com os autores Pedro Jaime, Fred Lucio e o autor do Prefácio, Guilhermo Ruben, com mediação de Pedro de Santi.
Dia 01/03, às 14:00 hs, no auditório Castelo Branco. No mesmo dia e local, às 11:00 hs, haverá o lançamento para a imprensa, com a mediação do Coordenador do curso de Administração da ESPM São Paulo, Marcelo Zorovich.

A Administração é considerada uma Ciência Social Aplicada. Apesar disto, é mais comum que a associemos ao estudo de áreas mais próximas das Ciências Exatas, como finanças ou estatística. Aparentemente, busca-se o aprendizado de estratégias e métricas nas quais os aspectos mais humanos ou subjetivos possam ser controlados ou eliminados, como nos estudos para tomada de decisão racional.
No entanto, hoje é quase unânime a consideração segundo a qual as organizações, ao contratarem pessoas, estão menos interessadas em seu diploma e capacitação técnica, e mais na maturidade pessoal, capacidade de aprender e trabalhar em grupo. Competências em relações humanas, mais do que técnicas, que se tornam obsoletas muito rapidamente.
Reaprendemos, então, que uma organização é um grupo social que, por suas vez, está implicado num ambiente social mais amplo, em seu contexto econômico e político. As dimensões humanas e relacionais não são um ruído que gera empecilhos à boa gestão, mas o ambiente e condição na qual a administração se dá. Elas não devem ser eliminadas, mas sim assumidas, cultivadas e amadurecidas.
O livro explora muito o campo de conflitos e colaborações que permeia as relações de trabalho nas organizações, assim como a necessidade de se estar próximo das pautas culturais atuais, como a questão da diversidade.

Como diz Cristina Helena P. de Mello, Pró-Reitora Nacional de Pesquisa e Pós Graduação Stricto Sensu da ESPM, temos um grupo autoral de professores. Eles são capazes de proporcionar aprendizagem com recursos diversos: da transmissão da cultura sobre suas áreas à provocação de curiosidade e questionamento sobre a realidade em que vivemos.
O livro “Sociologia das organizações” cumpre com eficiência estas duas vias. Ele apresenta de forma clara e precisa a história e principais autores da sociologia em sua relação com o ambiente organizacional e, ao mesmo tempo, traz reflexões sobre as relações humanas internas às empresas e suas relações políticas com o mundo em que se inserem.
Um dos principais méritos do livro é a habilidade com a qual se move do campo conceitual para expressões atuais daquilo que trata. Acontecimentos sociais recentes, filmes, notícias que foram viralizadas pelas mídias sociais; tudo aquilo que compõe nosso ambiente cultural mais próximo é mobilizado no trabalho reflexivo sociológico.
O livro certamente integrará nossos planos de ensino e aprendizagem, mas não se trata de um simples “livro texto” a ser usado como uma apostila. Bem mais do isto, trata-se de um livro que só poderia ter ido escrito por estes autores, com seus percursos singulares. Para dar uma referência sobre cada um: Fred Lucio é, há mais de quinze anos, o Coordenador da ESPM Social, uma entidade de alunos implicada na capacitação de negócios na comunidade; e Pedro Jaime é autor do livro “Executivos negros. Racismo e diversidade no mundo empresarial” (EDUSP, 2016), ganhador do Prêmio Jabuti na área de Administração.
É, de fato, um privilégio tê-los como colegas na área de Humanidades e Direito da Graduação da ESPM.
Considero parte intrínseca do nosso trabalho no ensino superior não nos conformarmos em ser meros reprodutores de conteúdo ou seguidores do mercado; e sim nos posicionarmos como propositores críticos e produtores de conhecimento voltado ao mercado e à sociedade como um todo. Este livro faz isto muito bem, numa leitura acessível e envolvente.

Comentários estão desabilitados para essa publicação